top of page

Criando influência digital

Se você ou a sua empresa estão presentes nas redes sociais, você já deve imaginar a importância do marketing de conteúdo. Entender o que é o marketing de conteúdo e como planejar, o que publicar, como crescer e o que publicar no Instagram são perguntas importantes a serem respondidas. Em especial no querido “Insta”, um conteúdo expressivo e de relevância vai contribuir muito para que suas publicações apareçam no feed do seu público-alvo. Seja para os stories ou para o feed em geral, dicas de conteúdo são muito necessárias para qualquer pessoa que queira começar bem, trilhando o caminho de quem já provou que dá certo.

Entretanto, hoje em dia temos visto muitas pessoas sem ideia de conteúdo. Publicações bem aleatórias são comuns no dia a dia. Na pressa em publicar alguma coisa, muitas pessoas publicam qualquer coisa. E isso com certeza atrapalha. Ninguém quer ver um perfil desconexo, com conteúdo irrelevante e sem relação nenhuma com o que se vende ou divulga. E a qualidade tem, sim, influência no engajamento que se procura ter numa rede social como o Instagram.

Cada vez mais uma rede social é importante. Pesquisas já têm mostrado que sites de e-commerce viraram o carro chefe de vendas para muitas empresas. Milhões de pessoas acessam todos os dias sites e redes sociais, seja para compra, para negócios ou para entretenimento. Essa realidade faz cada vez mais parte da vida da própria humanidade. Essas empresas que estão presentes no online com estratégias de marketing digital têm um faturamento 5x superior porque investem quase 40% a mais que as empresas normais. Eles aplicam investimento em social media, por exemplo, que é o profissional das redes sociais. Segundo dados da Digital Adspend Brasil, foram investidos no país R$ 30,2 bilhões em publicidade digital em 2021. Um aumento de 27% em comparação com 2020.

Hoje em dia, investir em marketing e influência digital é uma estratégia que melhor se adapta num período de longo e ou de médio prazo. Só que o maior benefício é que é uma estratégia muito assertiva.

“(...) investir em produção de conteúdo é praticamente uma garantia de retorno, desde que as boas práticas sejam seguidas.” Neil Patel

O funil de conteúdo

Um conteúdo de valor é possível, sim! Para isso, é muito importante desenvolver um funil de conteúdo.

Uma representação de um funil de vendas
fonte: InsideOut

Estágio 1: Possíveis prospectos: Gerar / Direcionar

Estágio 2: Prospecto: Qualificar / Converter

Estágio 3: Cliente: Consumidor

Basicamente, um funil de conteúdo se preocupa em entregar o conteúdo certo para o público certo. Um marketing de conteúdo preciso, então, seria, antes de tudo, aquele que buscou compreender métricas e dados a respeito das pessoas que pretende alcançar. Num funil, existem pessoas que não conhecem ou conhecem pouco a respeito do que você está comunicando. Seu conteúdo não será desejado por todos (é praticamente impossível). Só que, ainda assim, ele pode, e deve, buscar esses possíveis prospectos, os leads. Educar corretamente seu público é a questão envolvida nesse primeiro estágio.

Já num segundo estágio, o conteúdo já pode vir de uma maneira mais robusta e intencional. Aprimore um conteúdo de valor e busque converter, ou seja, levar o seu prospecto a tomar uma iniciativa sobre o que você está dizendo. Palavras como “compartilhar” e “comentar” são excelentes aqui.

No terceiro estágio, o seu prospecto vira cliente, e, portanto, um consumidor. A ideia é levá-lo ao seu produto. Seja intencional, pessoal e persuasivo. Chamar para conversar no privado ou direcionar para o link de compra são as chamadas para a ação mais usadas aqui.

Linguagem (tom de voz)

Nesse sentido, é muito importante que você adeque sua linguagem. Por exemplo, a EYES Soluções é uma empresa focada em diversos segmentos: desde o marketing até o financeiro. Nós oferecemos soluções não óbvias. Só que como a gente comunica isso a você? Quais palavras conversam melhor com nosso público? Tudo isso precisa ser pensado na hora de falar de marketing de conteúdo e de produção de conteúdo para Instagram ou mesmo para outras redes sociais.

Definindo métricas

Para você definir métricas e analisar quais postagens têm engajado mais (visualizações + compartilhamento + salvamento, etc.), use o próprio Instagram. Abra a barra de configurações e depois clique em Insights. Assim você visualizará dados como: número de visitas; contas alcançadas; dados sobre conteúdo (curtidas, salvamentos e compartilhamentos).


Gráficos em vários formatos

Fazendo isso, você entenderá quais posts mais estão com maior audiência ou não. Aqueles que forem promissores, você precisa dedicar mais tempo tratando daquele assunto, ou com aquele tom de voz, ou mesmo com uma Chamada para a Ação mais inteligente.

Por isso é que a gente entrega conhecimento. Enquanto muitas pessoas aprendem com a gente (o que é ótimo por si só) mais leads ganhamos. Por isso a gente deu 31 dicas de stories para você usar livremente.

Os guardiões da cultura

Quanto mais pessoas acessando nosso Instagram e demais redes sociais, mais pessoas com soluções não óbvias existirão. Isso faz parte da nossa cultura: partilhar do que a gente sabe e tornar você um guardião da cultura. Isso mesmo, você virará quase um discípulo desse modo de pensar e poderá agregar esse valor ao seu negócio. E isso para a gente não é pouca coisa. Nós buscamos fazer com seriedade e responsabilidade. A qualquer momento, um novo guardião pode surgir... Aliás, bem-vindo(a) novo guardião da cultura!

Um guerreiro medieval
fonte: Gartic

Se fez sentido para você, é hora de passar conhecimento para outra pessoa!

Envie agora mesmo para um conhecido que aproveitará de alguma maneira esse conteúdo!

30 visualizações1 comentário
bottom of page